A Capital de São Paulo e a Bíblia

A capital do estado de São Paulo foi fundada no dia 25 de janeiro de 1554. Surgiu de um colégio construído entre os rios Tamanduateí e Anhangabaú. O rio Anhangabaú foi canalizado e está sob o asfalto, enquanto que o Tamanduateí corre sobranceiro para o rio Tietê, que corta o estado de São Paulo. A cidade recebeu o nome de São Paulo, pois foi no dia vinte e cinco de janeiro, segundo uma tradição, que Saulo se converteu, tornando-se Paulo, como discípulo de Jesus.

Conversão não é mudança de religião, mas de ideia, de opinião, de vida, de costume e de comportamento. O teólogo Louis Berkhof, discorrendo sobre a conversão verdadeira, afirma que ela “é o resultante ato consciente do pecador pelo qual pela graça de Deus, volta-se para o Criador com arrependimento e fé”. Na igreja há muitos que estão na comunidade pensando nas vantagens materiais que podem usufruir. Há, no entanto, um número de fiéis que trabalham por amor, com amor e para a glória de Deus.

Saulo, antes da conversão, era um homem mau. Ouvira a mensagem inspirada e iluminada de Estevão, o primeiro diácono cristão e o primeiro mártir, mas não se converteu. Viu o seu apedrejamento e as suas dores atrozes, porém não se converteu. Ouviu a declaração de Estevão: “Eis que vejo os céus abertos e o Filho do homem em pé, à destra de Deus”, mas não se converteu. Ouviu a oração de Estevão, quando estava no estertor da morte: “Senhor Jesus recebe o meu espírito”, mas não se converteu.
Há um provérbio popular que assim diz: “Quem não vem pelo amor, vem pela dor”. Não se converteu, ouvindo a Palavra de Deus que é viva e eficaz. Não se converteu pela pregação do Evangelho. Não se converteu movido pelo amor, demonstrado por Estevão a Cristo. Não se converteu com o apedrejamento do servo de Jesus.

Depois da morte do homem, cujas roupas segurara para que as pedras ferissem ainda mais o corpo do discípulo de Jesus, pediu cartas para o sumo-sacerdote para prender os discípulos de Jesus. Naquele tempo os alunos de Jesus não eram chamados de cristãos, católicos, protestantes, evangélicos, pentecostais e outros nomes afins, porém eram denominados os homens do “Caminho”. Saiu Paulo de Jerusalém e foi para as bandas de Damasco. Na estrada, quando se aproximava de Damasco, subitamente uma luz do céu brilhou ao seu redor, como um raio, e Saulo caiu em terra. Ouviu uma voz que vinha do céu: “Saulo, Saulo, por que me persegues”? Saulo, homem corajoso e arrojado, indaga humildemente: “Quem és tu Senhor”? Ouviu ainda deitado no chão: “Eu sou Jesus a quem tu persegues”. Cristo cumpria o que dissera aos seus discípulos: “Eu estarei convosco até a consumação dos séculos”.

Jesus saíra em defesa de suas ovelhas e Paulo, diante da intervenção divina, aceitou a Cristo como seu único e suficiente salvador. Teve o seu nome mudado e de Saulo passou a ser Paulo, o grande divulgador dos ensinos de Jesus. Saulo quer dizer desejado, todavia Paulo, pequeno. Tornou-se pequeno para os homens, mas grande para Deus. Jesus disse para Ananias, o homem que batizou Saulo, que Paulo seria um instrumento para levar o seu nome para os gentios, para os reis e para os filhos de Israel.

Últimas

Correio Politico – Edição 1010

Experiência e Renovação A Federação Brasil Esperança (PV, PT e Pc do B) está com uma chapa forte de pré-candidatos a vereador. Unindo experiência e renovação, a chapa de pré-candidatos...

Câmara aprova projeto de substituição de sacos plásticos convencionais por ecológicos

Prefeitura e Câmara suspendem publicações em sites

Devido à lei eleitoral, a Prefeitura e a Câmara de Itapetininga suspenderam, temporariamente, a exibição de notícias no site e no semanário oficial que impliquem em publicidade institucional. A medida...

Confira as principais notícias de 2022

Jeferson Brun lança pré-candidatura

O atual prefeito de Itapetininga, Jeferson Brun, atualmente filiado ao Republicanos, lançou oficialmente sua pré-candidatura a prefeito de Itapetininga. Caso se confirme o apoio oficial, Brun terá a companhia de...

Novos nomes surgem para  vice-prefeito

Novos nomes surgem para vice-prefeito

Na edição passada, o Jornal Correio publicou seis nomes que estão na disputa para entrar de vice-prefeito em Itapetininga. Mais duas pessoas estão ainda no jogo como ex-secretário municipal de...

Clima desfavorável afeta produção de figo na cidade

Clima desfavorável afeta produção de figo na cidade

No município de Itapetininga, o clima desfavorável marcou a temporada de colheita de figos neste ano, conforme relata Daniel Nache, produtor local. “Este ano foi desafiador desde o início, com...

Rodovias registram 12 mortos em acidentes

Rodovias registram 12 mortos em acidentes

Durante o feriado prolongado de 9 de julho, as rodovias administradas pela CCR SPVias em Itapetininga e região registraram um saldo de 12 mortos e 51 feridos em 22 acidentes....

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga

Bem vindo de volta!

Faça login na sua conta abaixo


Criar nova conta!

Preencha os formulários abaixo para se cadastrar

Redefinir senha

Por favor, digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.