Agenda – 567

Recepção
No último dezenove (dezembro), num sábado, à noite, no Buffet “Lécomkré”, em Vila Carolina, nesta cidade (esquerda para direita): Maria Cristina Nery, Maria Antonieta Bueno Vieira de Camargo, a Nêta e Lídia Ravacci na festa de Bodas de Ouro do casal Maria Cecília – José Paulo Ayres Ribas.


Esquentando I
O dinâmico Paulo Cabral, bastante animado com o próximo carnaval itapetiningano (que inicia em todo o Brasil no próximo seis de fevereiro) num sábado. Paulo é (como vocês sabem) é um dos participantes mais animados do bloco carnavalesco do “Motumbo” a maior revelação do carnaval de rua e de salão neste últimos anos nesta cidade. E segundo Paulo, o bloco “Motumbo”, coordenado por Bebeto Nery irá continuar a parceria com outro bloco que fez furor na década de 1990, o “Avestruz” (de Márcio Duarte de Mello, Padaria São João). E tal união, segundo Paulo Cabral, é muito bom para o Carnaval desta cidade. E segundo o próprio, os participantes do “Motumbo” terão que ter muito folego nos quatro dias de folia de Momo, pois o bloco abrirá o Carnaval do Clube dos Bancários no sábado, seis, chamado de “gordo” (pelo menos nas décadas de cinquenta e sessenta). Já no domingo, sete, e terça-feira, nove, à noite, os motumbenses participarão do tradicional desfile promovido pela municipalidade. E nas tardes do folguedo haverá “batibum” no Bar “São Cristovão” (antigo “Fecha Nunca”), com direito a trenzinho pela área central da cidade.

 

Esquentando II
Um dos grandes carnavalescos atuais desta cidade, um dos animadores do bloco do “Motumbo”, Paulo Cabral, comenta com muito carinho uma das inovações do bloco neste ano. Ou seja, a criação de uma ala infantil que acompanhará os adultos, o “Motumbinho” com meninas e meninos tocando tamborins, no intuito de formar novos foliões para que o carnaval itapetiningano não acabe de vez. “Expert” em desfiles, ele já participou no Sambódromo carioca na Escola de Samba “Imperatriz Leopoldinense”. No Rio de Janeiro, segundo Paulo, a plateia é animadíssima. Já no Sambódromo paulistano, quando ele desfilou na quase sempre campeã Vai-Vai (do bairro Bela Vista, região central de São Paulo) é um pouco menos. Mas, as torcidas lá aparecem mais do que no Rio. Outra paixão de Paulo Cabral é a Saúde. Ele já trabalhou com o lendário médico Adib Jatene e aqui também na secretaria municipal.

Campo
O engenheiro agrônomo itapetiningano Felipe Campos Vieira (filho de Teresinha (Campos) – Valdemar Vieira, ele comerciante, formado pela Escola Superior de Agronomia de São Paulo a USP, campus de Piracicaba, depois de alguns anos trabalhando em Minas Gerais e Rio Grande do Sul, agora está atuando na Bayer, em São João da Boa Vista interior paulista. O itapetiningano Felipe, especialista em produtos como a batata, está indo, de três a quatro vezes por semestre para a Alemanha, nas proximidades da cidade de Colônia para participar de simpósios de agronegócios e realizar palestras. Segundo Felipe o Brasil continua sendo muito bem visto (muito!) nesta área.

 

Naquele tempo
O agitado Renato Augusto da Silva também foi um dos coordenadores dos Saraus que levava muita e muita gente nos locais onde era realizado mensalmente. O Sarau, então promovido pela Ajori (Associação de Jornalistas e Radialistas de Itapetininga) e pela Casa da Cultura possuía vários coordenadores (cada um escolhia de três a quatro participantes (atrações) para o êxito do espetáculo) como: Silas Ghering Cardoso, Osmar Thibes do Canto Junior, Hiram Ayres Monteiro Junior, Zézinho Trindade Xavier, Roberto Matarazzo, entre outros. Quando isso? Início da década de 1990. Renato Augusto era então colunista da saudosa “Gazeta de Itapetininga” e ainda hoje “morre” de saudades daquela época, quando os jornalistas e radialistas daqui eram bastante animados e agitavam culturalmente esta cidade.

 

Verão
Neste ou no próximo mês, Iracema di Caritas Muza Maurício, professora de Relações Humanas e agora colunista, segue com um grupo de amigas daqui para as delícias do sol, céu e mar de Guarujá, litoral sul paulista. E de lá, quando voltar, Iracema quer estar bem bronzeada. Quer sim.

 

Champagne
O casal Vanessa (Vieira) – Paulo Renato Galvão Ferrari, ele, engenheiro e construtor, recebendo familiares e amigos na noite do último dia de dezembro para o “réveillon” na bela casa em Ouroville, próximo a Prefeitura Municipal daqui. Entre os muitos presentes, o casal Aline (Nogueira) – Renê Marcelo Soubhia Nunes, capitão da Polícia Militar aqui.

 

Birthadays
Aniversariou nesta última segunda-feira, onze, o itapetiningano, advogado e membro da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) Luiz Gonzaga Lisboa Rolim e o advogado Waldomiro Benedito de Carvalho; na terça-feira, doze, o bancário, já aposentado (Banco do Brasil, daqui) Lineu Ferreira Cerqueira; ontem, quinta-feira, quatorze o dentista Dino Cerqueira de Moraes; hoje, sexta-feira, quinze, o professor (História) Celso Bodo de Carvalho e José Benedito de Meira (do INSS); domingo, dezessete, Eloisa (Barsanti) Maria Silveira Campos, professor aposentada e o engenheiro-agrônomo Paulo César Martins Menck (da Secretaria de Agricultura do Estado de São Paulo e coordenador do curso de Matemática da Associação de Ensino).

 

Fuga
Leila Rosana de Meira a “Leila Corintiana” comentando sobre a saída dos melhores jogadores do Corinthians Paulista para jogar na China (principalmente):- “O Timão” “se desmantelou”.


Últimas

Operação detém suspeito com droga na Vila Mazzei

Operação detém suspeito com droga na Vila Mazzei

Nesta quarta-feira, dia 16, durante patrulhamento da Operação Itapê + Segura, equipes da Guarda Civil Municipal de Itapetininga prenderam um suspeito nas proximidades de uma escola municipal na Vila Mazzei....

Mangá: ícone pop da cultura japonesa

Mangá: ícone pop da cultura japonesa

Por: Milton Cardoso Havia um enorme abismo cultural entre os imigrantes europeus e japoneses, mas a educação dos filhos era um ponto comum entre eles. Uma das prioridades era a...

Céu das Artes abre inscrições para cursos e oficinas

Céu das Artes abre inscrições para cursos e oficinas

O Centro de Artes e Esportes Unificados em Itapetininga, mais conhecido como Céu das Artes, abriu desde segunda-feira, dia 14, inscrições para diversos cursos e oficinas, todos de graça, voltados...

A chegada dos imigrantes japoneses em Itapetininga

A chegada dos imigrantes japoneses em Itapetininga

Milton Cardoso Especial para o Correio Há exatos 113 anos no porto de Santos desembarcaram do navio Kasato Maru 781 imigrantes japoneses, todos agricultores. Na bagagem traziam muitos sonhos: o...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga