Agenda – 579

No Chile
Na capital Santiago diante do histórico Palácio Residencial La Moneda; entre dezessete e vinte e um do último março, os (felizes) itapetininganos (esquerda para a direita): Ivan Barsanti Silveira, Márcia Almeida, José Guido Almeida, Vera Lúcia Abdala, Rosa Almeida, Marta Cecília Cunha da Silva, Dalva das Graças Mendes, Aldo Bassoli (coordenador), Helena Gomes, Neusa das Graças Mendes, Maria José (Zézinha) Vieira, Rosana Iglesias de Lima, Maria Tereza Cardoso, Patrícia Plens e Fátima Moraes.

 

Depoimento
Segmentos de cidadãos Itapetininganos (não necessariamente vinculados ao Partido dos Trabalhadores) leram com interesse o texto do ator Wagner Moura (protagonista dos filmes “Tropa de Elite” (2007) e “Tropa de Elite 2” (2010) e que foi indicado ao Globo de Ouro pela série “Narcos” (Netflix). O texto em questão foi publicado na seção “Tendências e Debates”- Opinião A3 da “Folha de São Paulo”, da penúltima quarta-feira, 30 de março e o título é “Pela Legalidade”; Em determinado trecho Wagner Moura coloca o seguinte:- “Ser legalista não é o mesmo que ser governista, ser governista não é o mesmo que ser corrupto. É totalmente errado dizer que os governistas são a favor da corrupção”. E o ator Wagner Moura escreve ainda :-“O que está em andamento no Brasil hoje, no entanto, é uma tentativa revanchista de antecipar 2018 e derrubar “na marra”, via Judiciário politizado, um governo eleito por 54 milhões de votos. Um golpe clássico”. E ainda “O fato do Ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes promover um Seminário em Lisboa, Portugal com lideranças oposicionistas, como os senadores Aécio Neves e José Serra, é no mínimo estranho. A foto do Juiz Sérgio Moro com o tucano João Doria em evento empresarial, é no mínimo inapropriado”.

 

(In) Decisão
Professores da rede estadual de ensino de Itapetininga na ativa, indignados com a atitude do Governador Geraldo Alckmin (PSDB) de ter cortado o bônus (uma espécie de salário prêmio para escolas, professores e funcionários que atingiram determinados resultados educacionais propostas pela Secretária da Educação do Estado). E alguns desses bônus são bem altos. E segundo a reportagem de Paulo Saldanã e Guilherme Magalhães na seção Cotidiano B4, da “Folha de São Paulo” da penúltima quarta-feira, trinta de março:- “Após a suspensão do pagamento do bônus deste ano aos professores e servidores da educação paulista, a gestão Geraldo Alckmin (PSDB) decidiu iniciar uma consulta na rede (estadual de ensino) para que os profissionais (da educação) escolhiam entre receber a gratificação ou um reajuste (aumento) salarial (e no caso também para os aposentados que não tem direito ao bônus) estimado em 2,5% pela Secretária da Educação. Segundo o atual secretário da Educação José Renato Nalini, a Apeoesp, principal sindicato dos professores da rede, fez a proposta. Em vez de bonificação, que premia apenas uma parcela do Magistério, a classe preferiu que esse dinheiro fosse convertido em reajuste linear igual para todos”
Nota da Coluna- Os professores aposentados estão há quase dois anos sem receber aumento (o último foi em julho de 2014). As razões alegadas para o pequeníssimo aumento dado pelo Governo do Estado de São Paulo é a crise econômica (sempre ela!). E segundo as últimas notícias o bônus vai ser pago, já o aumento para o aposentado, não.

A graça do ano
Muitos itapetininganos têm dormido mais tarde às terças-feiras, ultimamente. E o motivo é a terceira temporada do humorístico “Tá no Ar”, às terças-feiras, TV Globo, lá pelas onze e meia da noite. No elenco do global “Tá no Ar”, Marcelo Adnet e Mauricio Melhem, entre outros, ambos criadores de partes dos textos. Os humoristas, no programa, “disparam rajadas para todos os lados, da religião aos anunciantes, passando por programas de outras emissoras (principalmente aqueles policialescos da tarde) e atores e atrizes da TV Globo são escalados para aturem em quadros onde pagam verdadeiros “micos” como Lilian Cabral aparecendo de mulata Globeleza, Antônio Fagundes vestido de “collant” e a cantora Sandy se deixar mostrar entre ursinhos toda infantilizada. Os textos são bastante inteligentes e “Tá no Ar” é aclamado positivamente pela “mídia” e pelas redes sociais. Daí o fato de alguns itapetininganos dormirem menos de terça- feira para quarta.

Música no ar
Para a professora de Canto coral Olga Pellegrini a apresentação da Banda Sinfônica da Polícia Militar do Estado de São Paulo na noite do último vinte e um (março), numa segunda-feira, à noite, no teatro do Sesi, em Vila Rio Branco, como parte da comemoração do trigésimo sétimo aniversário do vigésimo segundo Batalhão da Polícia Militar- I, desta cidade, “foi um verdadeiro presente para a cidade”. Sessenta músicos (por ai!) no palco do teatro, sob a regência do Major Comandante do Grupo Musical Elias Batista do Nascimento com a participação também do Primeiro Tenente Jaspen Feliciano. Na pauta musical: dobrados, temas de filmes e canções do gênio brasileiro Heitor Villa-Lobos. Teatro lotado. Olga Pellegrini adorou o recital.

Sugestão
Apresentador do programa “Telescópio” (de segundas às sextas-feiras, da meio dia e meia as duas da tarde) da TVI, Fábio Campos e a namorada Silmara Piedade, professora de Necessidades Especiais estiveram no feriado da Semana Santa aproveitando as delícias de Paraty, cidade balneária do Estado do Rio de Janeiro. E Fábio fez um alerta aos agentes de viagens de Itapetininga: – “Por que não realizar excursões diretamente para Paraty, e não só conhecê-la de passagem para o Rio de Janeiro, como sempre fazem. Paraty merece uma visita de pelo menos três a quatro dias. Cidade tranquila, segura, movimentada pelos turistas de todo o Brasil e de várias partes do mundo. Barzinhos com mesas nas calçadas, música ao vivo, predominando a música popular brasileira (a autêntica), muitas lojas artesanais (quadros, esculturas, roupas), praias, principalmente as que ficam fora da cidade (nunca muito longe), à noite na praça da principal igreja, apresentações de grupos regionais como os cirandeiros da cidade. O mar (verde como o do Rio de Janeiro), os passeios de barcos, a boa vontade do povo “. E Fábio Campos conclui:- “O que é que os agentes de viagens daqui estão esperando para as esperadas excursões?”.


Birthday
Por que mudaram de idade, o casal Marina (Rodrigues)- Cláudio Barsanti Wey, ela fisioterapeuta (Departamento de Esportes da Prefeitura daqui) e, ele, médico dermatologista, ofereceram no penúltimo sábado, vinte e seis ((aniversário de Marina) aos familiares uma bela feijoada na casa da Rua Sérgio Angra Machado, no Jardim Colombo. O médico Cláudio aniversariou no último vinte e nove, numa terça-feira. Em torno de cinquenta os participantes e muita descontração numa tarde ensolarada que se estendeu até a noite.

Últimas

Cidade tem 25 mortes em sete dias e UTIs estão 100% lotadas

Cidade registra 24 mortes em apenas dez dias

Os primeiros dez dias do mês de junho registram uma marca preocupante, a cidade confirmou 24 mortes em decorrência da Covid-19 e 579 novos casos. Nesta quinta-feira, dia 10, o...

Modelo denuncia racismo em oferta de trabalho

Modelo denuncia racismo em oferta de trabalho

A modelo e estudante de fisioterapia Bruna Campos denunciou uma situação de racismo que sofreu durante uma oferta de trabalho. Ela combinava, pelo whatsapp, detalhes de um trabalho freelancer que...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga