Mediador ou Mediadores

O assunto é polêmico. Há um só mediador entre Deus e os homens ou há vários? Será que todo ser humano, quando morre vira mediador? O que a Bíblia diz sobre o assunto?

Jesus, conforme registrou seu discípulo amado, ensinou: “E tudo quanto pedirdes em meu nome, isso farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho. Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei.” (João 14:13)Paulo, o apóstolo, na sua carta pastoral dirigida a Timóteo, afirmou que há um só mediador e este é Jesus. Ao ensinar tal verdade, destaca as duas naturezas de Cristo, nestes termos: “Porquanto há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem.” (I Tim. 2:5) Há, portanto, um só mediador e este mediador é Jesus que possui as duas naturezas: Divina e humana. O Papa, João Paulo II, num encontro ecumênico, realizado no dia 04 de julho de 1980, Porto Alegre. Rio Grande do Sul, disse: “caríssimos irmãos no Senhor… É este o sentimento que me domina a alma ao compartilhar com os senhores, representantes de muitas comunidades evangélicas no Brasil, este momento espiritual de oração e de encontro no Senhor. É Ele, com efeito, quem nos une com sua graça, e quem, por seu Santo Espírito, nos dá, a uns e outros, a força para proclamarmos diante do mundo e ‘publicamente a Jesus Cristo como Deus e Senhor e único Mediador entre Deus  e os homens, para glória do único Deus , Pai, Filho e Espírito Santo.”

Surge, agora, a pergunta: Por que é necessário que o mediador seja Deus? A resposta quem dá é a Bíblia. Os teólogos de Westminster afirmaram que era necessário que o Mediador fosse Deus por três razões: 1- Para poder sustentar a natureza humana e guardá-la de cair debaixo da ira infinita de Deus e do poder da morte.  2- Para dar valor e eficácia aos seus sofrimentos e obediência e intercessão. 3- Para satisfazer a justiça divina, conseguir o seu favor, adquirir um povo peculiar e dar a este povo o seu Espírito, vencer todos os seus inimigos e conduzi-los à salvação eterna.

Surge uma outra pergunta, derivada da primeira: Por que é necessário que o Mediador fosse homem? A resposta é dupla: 1 – Para poder levantar a natureza do ser humano e obedecer à lei, sofrer e interceder por nós em nossa natureza, e simpatizar com as nossas enfermidades. 2- Para que recebêssemos a adoção de filhos, e tivéssemos conforto e acesso com confiança ao trono da graça.

Os teólogos de Westminster ainda indagaram: Qual é a necessidade do Mediador ser Deus e homem em uma só pessoa?  Eles, depois de muita oração, responderam: Para que as obras próprias de cada natureza fossem aceitas por Deus a nosso favor e que nós confiássemos nelas com as obras da pessoa inteira.

Há pessoas que afirmam que os mortos intercedem pelos vivos e oram a eles, depois de terem orado para que eles fossem salvos. Não é um paradoxo?  A Bíblia, por meio do profeta Isaías, assim responde: “Quando vos disserem: Consultai os que têm espíritos familiares e os adivinhos, que chilreiam e murmuram entre dentes; – não recorrerá um povo ao seu Deus? A favor dos vivos interrogar-se-ão os mortos? ( Isaías 8:19) A pergunta é uma resposta.  Como se vê, só há um mediador.

Últimas

Câmara cassa mandato do vereador Codorna

Câmara cassa mandato do vereador Codorna

Na última quinta-feira, dia 22, em Sessão Extraordinária realizada na Câmara Municipal de Itapetininga (CMI), 15 dos 19 vereadores votaram pela cassação do mandato do parlamentar de oposição Eduardo Codorna...

Prefeitura promove Campanha com exames de Hepatite B e C

Prefeitura promove Campanha com exames de Hepatite B e C

No mês em que é celebrado o “Dia Internacional do Combate às Hepatites Virais”, a Prefeitura de Itapetininga, por meio da Secretaria de Saúde e Departamento de Vigilância Epidemiológica promovem...

Filmes para quem gosta de comer… e cozinhar

Filmes para quem gosta de comer… e cozinhar

BAO (2018). O curta-metragem dirigido por Domee Shi fala de amor, e usa comida para representar uma mãe cuidando e acompanhando o crescimento do filho. Tem um viés bastante simbólico,...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga