Na memória a figura irriquieta de Ari

Dizia alguém, com muita propriedade “que é comum perdermos a memória”. Quase sempre percebemos que não lembramos de alguma coisa e outras vezes nem de um fato ou um episódio ocorrido em algum lugar. A realidade é que a perda de memória nos afeta, indistintamente, à medida que envelhecemos.
Esse relato vem a propósito do encontro casual com um pré-adolescente, muito educado e gentil, amigo de meu neto; os dois, enfim, colegas de escola, muito atenciosos. Inopinadamente perguntou do meu nome e, recebendo a resposta em seguida, afirmou, sem qualquer hesitação, ser bisneto do saudoso Ari de Almeida.
Veio-me então, rapidamente, à memória nitidamente a estampa dotada de grande simpatia, conhecido praticamente por toda Itapetininga, gaiato e alegre o Ari, cognominado “Codorna”. Pessoa esplêndida, de sólido caráter moral, sua preocupação estava sempre voltada para os mais necessitados, e para isso integrava uma das Conferências Vicentinas da cidade e pertencia a Irmandade N.Sra. dos Prazeres.
Único filho homem do então proprietário do famoso “Hotel Roma”, hoje Hotel Itapetininga, considerado um dos melhores da cidade, não esquecia, jamais, de fornecer almoço diariamente a dezenas de “pedintes” que se postavam na porta do estabelecimento, na rua Saldanha Marinho.
Temperamento agitado, tinha por hábito cumprimentar cordial e polidamente todas as pessoas, dirigindo-lhes gracejos saudáveis e difundindo ânimo e moral ao próximo.
Ari de Almeida, ou Ari Codorna, exerceu diversas atividades, com proficiência e probidade ímpar. Dentre seus trabalhos destacam-se: proprietários dos antigos bares “Rodovia” e “Marabá”, o primeiro tendo como sócio Olavo de Moraes Hungria. Ambos se localizavam no Largo dos Amores, com intenso movimento e grande número de fregueses. Por um determinado tempo era o responsável (cacifeiro) do jogo de carteados nos clubes “Venâncio Aires” e “Recreativo”. Excelente e profícua foi sua atuação como funcionário estadual da Saúde, onde trabalhou com os médicos Og de Lara, Pinerolli, Isaac Franco, Dr. Bastos e Mário. Teve como colegas de serviços os funcionários Laert Moraes, Cícero, Mário, Orlando e Péco Leonel, Maria Auxiliadora França Isaac.
Exímio nadador, ao lado de Paulo Mendes, Led Vieira, disputou o Torneio Bandeirantes, organizado pela Secretaria Estadual de Esportes do Estado de S. Paulo, realizado anualmente na capital paulista.
Alegre, descontraído, Ari de Almeida, casado com a professora Odete Venturelli, nutria verdadeira paixão por Itapetininga e, certa ocasião, entrou em luta corporal com um certo cidadão que “estava denegrindo a cidade de Itapetininga”.
Que não se apague da memória o semblante de Ari de Almeida e não se deixe de sentir a sua ausência, pois deve-se reconhecer o seu alto valor, pois ele ajudou a impulsionar o nosso progresso, unificando nossas forças em todos os empreendimentos a realizar. Neste ano Ari de Almeida, meu grande amigo, completaria 90 anos de idade.

Últimas

CORREIO POLÍTICO 1012

CORREIO POLÍTICO 1012

Presidente Lula na região Na próxima terça-feira, dia 23, o presidente Lula estará na nossa região, em visita ao Campus Universitário Lagoa do Sino, da Universidade Federal de São Carlos...

Curso superior gratuito paralisa sua expansão

Curso superior gratuito paralisa sua expansão

Nos últimos oito anos, a expansão dos cursos gratuitos de graduação da Fatec e do IFSP foi paralisada em Itapetininga. No período, ex-prefeita Simone Marquetto (MDB), que governou a cidade...

Justiça Eleitoral paulista fará transmissão de boletins de urna por satélite nas Eleições 2022

TSE divide R$ 4,9 bi a 29 partidos políticos

Com R$ 4,9 bilhões, o Fundo Especial de Campanha já tem o destino certo dos valores para cada partido político no Brasil. Como já era projetado, o PL e o...

Instalação de curso  de Medicina é marco

Instalação de curso de Medicina é marco

A educação de nível superior registrou um forte avanço na gestão Simone Marquetto com a abertura do curso de Medicina do campus da Universidade São Caetano do Sul (USCS). A...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga

Bem vindo de volta!

Faça login na sua conta abaixo


Criar nova conta!

Preencha os formulários abaixo para se cadastrar

Redefinir senha

Por favor, digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.