Onde e Aonde

Tudo surgiu, porque Carlos, aluno universitário, afirmou, na classe, que todos morrem e até mesmo Enoque. Enoque, para quem não sabe,era um dos descendentes diretos de Adão, o primeiro homem, e a Bíblia afirma que ele foi trasladado para não provar a morte.
O universitário tem um conhecimento profundo da Bíblia e apelou para a Hermenêutica, dizendo que a Bíblia interpreta a Bíblia. Citou Hebreus onze, esquecendo-se das divisões históricas do texto, tais como: os primeiros heróis e depois os patriarcas. Lembrou-se do pronome “estes”, mas se esqueceu do pronome “aqueles”. Enoque não faz parte dos patriarcas.
Todos se calaram, mas uma senhora questionou, quando ele já ia embora. Creio que o silêncio foi uma expressão de respeito, uma vez que o jovem era visitante.
Os teólogos afirmam que Enoque é um tipo dos santos que serão arrebatados. Louis Berkhof, na sua Teologia Sistemática, discorrendo sobre o significado da Morte dos Crentes, afirma que “não se pode dizer que a destruição do corpo é absolutamente essencial para uma perfeita santificação, uma vez que isso é contraditado pelos exemplos de Enoque e Elias.” Sem entrar no mérito da questão, nota-se que o teólogo crê, piamente, que Enoque e Elias não morreram, mas de fato foram trasladados para o Céu. Assevera, ainda, o teólogo que “para os crentes a morte não é o fim, mas o início de uma vida perfeita. Eles adentram a morte com a certeza de que o seu aguilhão já foi retirado, I Co. 15.55, e de que ela é para eles a porta do céu.”
Depois, num outro dia, o assunto foi ventilado e surgiu o problema do emprego de “onde” e “aonde”. O professor de Teologia, conhecedor da Língua Portuguesa, explicou, usando o Pasquale, nestes termos: Aonde indica ideia de movimento ou aproximação. Opõe-se a donde que exprime afastamento. Ex. Aonde Enoque foi? Aonde querem chegar com essas discussões escatológicas? Não sei aonde ir.
Onde indica o lugar em que se está ou em que se passa algum fato. Normalmente refere-se a verbos que exprimem estado ou permanência: Onde Enoque está? Não sei onde começar a procura. Enoque e Elias estão no Céu.
Quando se explicava o emprego de onde e aonde, alguém cansado de tanto blá, blá, blá, inquiriu: Enoque e Elias foram ou não foram para o Céu sem morrer?
Notei que a pessoa estava cansada de tanto ouvir a discussão e, por impulso, entrei na conversa e simplesmente respondi:
– Claro.

Últimas

Vitrine – Realismo

Vitrine – Realismo

A coluna Vitrine desta semana apresenta algumas produções dos alnos do Art Studio & Atelier Henrik Ribeiro.Henrik Ribeiro trabalha há dois anos e meio como tatuador. Ele sempre pensou em...

Confira a programação no aniversário de Alambari

Confira a programação no aniversário de Alambari

A prefeitura de Alambari preparou diversas atividades em comemoração ao 30° aniversário de emancipação político-administrativa. A agenda começou no último sábado, dia 14, com concurso da rainha do rodeio e...

Atletas participam de competições no Rio de Janeiro

Atletas participam de competições no Rio de Janeiro

A Prefeitura de Itapetininga, por meio da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude parabeniza a brilhante participação dos atletas Paulo Henrique Vieira Martins "PH", e Vinícius Proença, onde representaram Itapetininga,...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga