Poderosas e Prazerosas Ondas

As ondas sonoras mais antigas da comunicação brasileira completarão no ano que vem 100 anos de existência. Estou falando da Rádio, que continua cada vez mais viva, mais importante, e a cada dia mais moderna com o advento de outra onda fortíssima, só que está em gigabytes rapidamente navegáveis que é a toda poderosa Internet.

O início da rádio no Brasil surgiu em grande estilo e elegância, a primeira transmissão foi no dia 7 de setembro de 1922, nas comemorações do centenário da Independência do país, com a transmissão, à distância e sem fios, da fala do presidente Epitácio Pessoa na inauguração da radiotelefonia brasileira. Roquette Pinto, um médico que pesquisava a radioeletricidade para fins fisiológicos, acompanhava tudo e, entusiasmado com as transmissões, convenceu a Academia Brasileira de Ciências a patrocinar a criação da Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, que viria a ser a PRA-2.

A partir daí as ondas radiofônicas se tornou uma unanimidade, uma verdadeira paixão nacional e não parou mais de crescer e irradiar suas frequências do Oiapoque ao Chuí (2 extremos, norte e sul, do nosso “brasilsão” de tamanho continental).

A “Rádio Sociedade”, foi primeira emissora do Brasil. Criada em 20 de abril de 1923 na cidade do Rio de Janeiro, então Distrito Federal, com o propósito de ser um veículo de comunicação eminentemente educativo, cultural e artístico.

Mas a emissora de rádio mais importante de todos os tempos, um verdadeiro ícone na comunicação, foi a Rádio Nacional do Rio De Janeiro, podemos comparar o que foi e ainda é (mas sem a mesma força que tinha antes) a Rede Globo de Televisão. Inaugurada em 12 de setembro de 1936 ao som de “Lua do Sertão”, de João Pernambuco e Catulo da Paixão Cearense. Do surgimento até os anos 1960, a Nacional se firmou como grande fenômeno de expressão da cultura popular brasileira, tornando-se uma das cinco maiores rádios do mundo. Com quase 85 anos de existência ainda continua em plena atividade e agora sendo transmitida também por FM 87,1 lá e toda moderninha! Mas o seu auge e apogeu foi durante as décadas de 40 e 50 com toda sua programação ao vivo, não existiam os tapes os rolos de gravação ainda. E sim caros leitores! As músicas executadas com orquestras de primeiríssimo nível. Outros tempos….

Disputada pelos patrocinadores, a Rádio Nacional pôde colocar no ar programas inovadores, que logo cairiam no gosto popular, como as radionovelas. “Em Busca da Felicidade” foi a primeira de uma série. A Rádio Também faria história com os programas de auditório. Um dos mais importantes para a música popular brasileira foi o de César de Alencar, que ia ao ar nas tardes de sábado. A Nacional trazia aos seus estúdios não apenas cantores consagrados no Rio de Janeiro como também abria espaço para músicos do Norte e Nordeste do Brasil, a exemplo de Luiz Gonzaga.

A emissora foi pioneira no radiojornalismo, com o famoso Repórter Esso, e em inúmeros humorísticos, como o Balança, Mas Não Cai.

A nossa querida Itapê também é uma referencia em se tratando de radiodifusão. No dia 15 de Novembro de 1941 foi inaugurada na rua Quintino Bocaiuva a famosa PRD9 que neste ano completa 80 anos de atividades interruptas, hoje comandada, dirigida pela querida e dinâmica Cristine Abrão, a Tuti.

Minha ligação com a rádio aqui em Itapetininga sempre foi muito forte e apaixonada. Mas este é assunto para o próximo artigo.

Espero vocês!
Até a próxima….

Últimas

CORREIO POLÍTICO 1012

CORREIO POLÍTICO 1012

Presidente Lula na região Na próxima terça-feira, dia 23, o presidente Lula estará na nossa região, em visita ao Campus Universitário Lagoa do Sino, da Universidade Federal de São Carlos...

Curso superior gratuito paralisa sua expansão

Curso superior gratuito paralisa sua expansão

Nos últimos oito anos, a expansão dos cursos gratuitos de graduação da Fatec e do IFSP foi paralisada em Itapetininga. No período, ex-prefeita Simone Marquetto (MDB), que governou a cidade...

Justiça Eleitoral paulista fará transmissão de boletins de urna por satélite nas Eleições 2022

TSE divide R$ 4,9 bi a 29 partidos políticos

Com R$ 4,9 bilhões, o Fundo Especial de Campanha já tem o destino certo dos valores para cada partido político no Brasil. Como já era projetado, o PL e o...

Instalação de curso  de Medicina é marco

Instalação de curso de Medicina é marco

A educação de nível superior registrou um forte avanço na gestão Simone Marquetto com a abertura do curso de Medicina do campus da Universidade São Caetano do Sul (USCS). A...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga

Bem vindo de volta!

Faça login na sua conta abaixo


Criar nova conta!

Preencha os formulários abaixo para se cadastrar

Redefinir senha

Por favor, digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.