Agenda – 574

Encontro
Na noite do último vinte e um de janeiro, numa segunda-feira por ocasião de jantar comemorativo (esquerda para a direita) os noivos Guilherme Gilbran, ele advogado e Bia Cristina Murat Nalesso e o casal Enir (Shoubia) e Renê Nunes, ela, professora de Inglês e ele, desembargador público estadual, já aposentado mas exercendo ainda atividades como advogado. O casal Enir e Renê comemoraram na data, quarenta e cinco anos de enlace matrimonial na casa do Jardim Itália.

 

Tablado I
Nem comédia, nem musical da Broadway. E sim um drama, ou melhor, um dos melhores, escrito quase na segunda metade do século vinte, segundo a crítica especializada. Seu título “Um Bonde Chamado Desejo”, de autoria do teatrólogo norte-americano Tennessee Williams, também um dos melhores do século vinte. Foi esta a peça escolhida pela “promoter” Leomira Camargo Nunes (grupo “Vamos ao teatro”) que levou no penúltimo sábado, vinte, quarenta e seis felizes itapetininganos que foram assistir a encenação no Tucarena, teatro de arena da Pontificia Universidade Católica, no bairro dos Perdizes, em São Paulo. A peça em questão “Um Bonde chamado Desejo” levou Tennessee Williams (1911-1983) a ganhar o cobiçado Prêmio Pulitzer, em 1949. “Um Bonde Chamado Desejo” é teatrão, na melhor concepção da palavra. Entre os itapetininganos levados por Leomira, os casais: Elza e Roberto Lima de Lara, ela, professora de filosofia, e ele dentista, e Neuzeli e Jaime Simões Rodrigues, ele médico ortopedista. E no elenco da peça: Maria Luiza Mendonça e Du Moscovis, entre outros.

Tablado II
E Leomira Carmargo Nunes fará uma nova aterrissagem do seu grupo “Vamos ao teatro” para São Paulo. E será no próximo dia dezenove, quando levará dezenas de itapetininganos para assistirem o musical “Estúpido Cupido”, no teatro Gazeta, na Avenida Paulista em São Paulo, e no elenco: Françoise Fourton, Luciano Szafir, Clarisse Derzié Luz e mais oito atores e atrizes que também são cantores-bailarinos. O texto é de Flávio Marinho, e segundo a reportagem do Caderno 2, suplemento de artes do jornal “O Estado de São Paulo”, de Ubiratan Brasil, de 23/02/2016, C8:- “O dramaturgo Flavio Marinho construiu o texto no qual um grupo de amigos volta no tempo e revive, de alguma forma aquele universo musical influenciado pelas cançõezinhas norte americanas como: Banho de lua, Lacinhos cor de rosa, Broto legal, Biquíni de bolinha amarelinha, entre outras da década de sessenta. No Rio de Janeiro, durante a temporada carioca, ao final do espetáculo muitos espectadores aproveitaram o espaço que havia entre o palco e a plateia para dançar com o elenco de “Estúpido Cupido” no final do espetáculo.” Fica então essa sugestão aos itapetininganos que lá forem, principalmente para aqueles loucos por um baile. O shopping da ocasião é o “Paulista”.

 

Sempre aos domingos
Na “Associação do Bem Viver”, a presidente Marta Ozi, e a coordenadora Maria Margarida Mazarino, anunciam a volta dos festivos almoções da entidade. E no próximo dia seis, domingo agora, acontecerá o primeiro deste ano, exatamente à uma hora da tarde com pratos saborosos. A “Associação” fica perto da Avenida José de Almeida Carvalho, bem próximo do Itauto, já na Vila Aurora.

 

Night
No penúltimo sábado, vinte de fevereiro, no restaurante “Castellamare”, na rua João Evangelista, à noite, dividiam mesa os casais: Lúcia Helena e Fernando Pereira de Moraes, ele advogado e ex-procurador-chefe da assessoria técnica-legislativa da Casa Civil do Estado de São Paulo, em São Paulo e Maria Cecília (Fontes) e Theotônio Alonso Pereira Junior, ela, professora de Redação em Língua Portuguesa e Literatura Brasileira e Portuguesa, e ele, advogado trabalhista.

 

MPB
As irmãs itapetininganas Márcia de Almeida Palomo, professora de Francês nesta cidade, e a arquiteta Marina de Almeida Palomo, assistiram neste último sábado, vinte e sete, na casa noturna “Tom Brasil”, em São Paulo, o recital do conjunto musical brasileiro MPB-4. As irmãs são fãs do quarteto. No espetáculo, os cantores e compositores Toquinho e Ivan Lins foram convidados especiais. Para Márcia e Marina, o show “foi belo e comovente”. Junto com as irmãs, foi também Rosana Célia Cheque, administradora hospitalar daqui.

 

Bola
Diretor de escola da rede estadual de ensino nesta cidade, Wancley Sacco, assistindo pela televisão o jogo entre Santos e Palmeiras, pelo Campeonato Paulista de Futebol, que terminou em empate, comentando em clima de desânimo “Não adianta, o meu Palmeiras não deslancha” Isso no último vinte e um, num domingo.

 

A grande noite
Entusiastas das Artes, Miriam Rabelo Orsi e Olga Pellegrini já anotaram nos seus caderninhos de eventos, O próximo Sarau Cultural do Clube Venâncio Ayres, sede social, será no próximo dezoito, sexta-feira, que, como sempre apresentará um mundo de atrações desta cidade e vizinhanças. Sarau coordenado pela incansável professora de música Vasti de Souza Almeida.

Últimas

Operação detém suspeito com droga na Vila Mazzei

Operação detém suspeito com droga na Vila Mazzei

Nesta quarta-feira, dia 16, durante patrulhamento da Operação Itapê + Segura, equipes da Guarda Civil Municipal de Itapetininga prenderam um suspeito nas proximidades de uma escola municipal na Vila Mazzei....

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga