Agenda – Ivan Barsanti – 07/11/2019

Uma noite artística I
No último dezesseis, outubro, numa quarta-feira, à noite, aconteceu na residência do casal Vasti (de Sousa) – Josué Gerson Almeida, em Vila Rosa, o Segundo Sarau Hispano-Brasileiro com várias formas de artes como: canto, piano, violão, cajon, pandeiro, literatura (jograis), artesanato, dança do ventre, música na língua espanhola (com os grupos estudiosos da língua espanhola do Centro do Professorado Paulista daqui de Itapetininga, coordenado por Betty Carmona, responsável pelos cursos e solados ao piano pela regente Vasti de Sousa Almeida (ao todo dezoito vozes). Na programação do Sarau: canto “História de um amor” bolero, pelos alunos de Espanhol do Centro do Professorado Paulista de Itapetininga (CPPI); bolero “Perfídia”, com Maria Nívea Guarneri Machado ao piano; poema “No te rindas” de Mario Benedetti, pelos alunos do CPPI com fundo musical ao som da valsa “Fascinação” com Vasti Almeida ao piano; canto, guarânia “Recuerdos de Ipacaraí” pelos alunos do CPPI com solo de violão por Guilherme Lacerda; piano “Pour Elise” com Magdalena Pinto; canto, tango “A Media Luz” solo de Maria Antonieta Lisboa Alves e alunos do CPPI; dança do ventre pela bailarina Ana Carolina de Sousa, de Capão Bonito; piano (a quatro mãos) “Chopsticks” (“bife brasileiro”) com Josemary Monteiro e Vasti de Sousa Almeida; poema: “Instantes” do poeta argentino Jorge Luís Borges (Prêmio Nobel de Literatura) pelos alunos do CPPI; canto “Guantanamera”, do cancioneiro cubano, pelos alunos do CPPI, entre outros números. Todos, muito bem realizados e muito aplaudidos.

Uma noite artística II
Além do pessoal que interpretou cantos, solos de piano e outras formas de arte no Segundo Sarau Hispano-Brasileiro realizado no último dezesseis de outubro, numa quarta-feira, numa noite quente e clara acontecido na residência do casal itapetiningano Vasti (de Sousa) – Gerson de Almeida, em Vila Rosa estavam também os seguintes convidados: Araci Ferraz da Motta Pires, Denise Cerqueira Lopes, Edwirges de Mattos Vaz Pedroso, Ana Rosa Françani Rocha Fogaça, Marisa de Oliveira, Marco Aurélio Silva, Celina Teruko Yano (ambos de Capão Bonito), Gloria Ribeiro Gonçalves, Enir Soubhia Nunes, Maria Eduarda Nunes, padre Mário Donato Sampaio, Arthurantonio Chagas Monteiro, Mariana Lisboa Alves, Jerusa Rodrigues, Sergio Paulo de Almeida, Daniela de Sousa Almeida e Ivan Barsanti Silveira. Uma noite perfeita.

Domingo, na Associação do Bem Viver
Desta vez, na Associação do Bem Viver, entidade da terceira idade, próxima a Itauto e avenida José de Almeida Carvalho, no Jardim Leonor I, aqui, o encontro na hora do almoço (agora realizado de dois a dois meses) acontecido no último vinte e sete, outubro, foi em torno da culinária árabe promovido pela presidente Rosa Maria Marcondes de Almeida, e a vice, Eliana Maria Monteiro Moraes e Marta Ozi (segunda secretária). Os pratos do “Almoço árabe”, muito bons e antes da refeição o já tradicional Coral da Casa, regido por Olga Pellegrini, cantou a “Marchinha do Adib” (que fazia quibes) de um antigo carnaval; “Las Violeteiras” (um sucesso na voz de Sarita Montiel, na década de 1960); a guarânia paraguaia “Recuerdos de Ipacaraí” e o passo-doble “Granada” (do compositor mexicano Agustín Lara). Bastante aplaudido o coral. Entre os presentes na festiva reunião: Ana Claudia Mazzarino, Mara, Léia, José Roberto, José Pedro, Haldenir, Caio Eduardo, Edwiges Siqueira de Oliveira, Giselda Myrto Pereira, Maria Cecília Válio Santos, Maria Aparecida Pinto Monteiro (a “Bijú”), Beatriz Rodrigues Pereira, Itanir Franci Hilário, Maria Eloisa Petelinkar, Maria Lúcia Tórcia Soares, as irmãs Benedita Teresa (Tecka) Domingues Brisola e Graça Domingues, Maria José Guerra, Marina Collaço Riberto, Maria Auxiliadora Moreira, Zilda Jordão, Maria Margarida Mazarino, Ema Suardi Mazzarino, Maria Luiza Mastrandéa, Luígia Nacco.

Bola
Como acontece com todos os itapetininganos que gostam de assistir a um bom (ou ótimo?) jogo de futebol o corintiano Guy de Oliveira, professor de Matemática da rede estadual de ensino daqui e professor de Informática, também assistiu via televisão, a esperada disputa entre o gaúcho Grêmio e o carioca Flamengo pela “Taça Libertadores da América”. Dali sairia o clube futebolístico que irá disputar com o argentino River Plate a decisão final. A data era bastante significativa, vinte e três de outubro, dia em que o “rei” Pelé faria setenta e nove anos de idade. E no final com a vitória flamenguista por cinco a zero, Guy exclamou: – “os jogadores cariocas, talvez até sem saber, fizeram uma bela homenagem a Edson Arantes do Nascimento, Pelé, pois jogaram e movimentaram a bola como nos saudosos tempos do jogador no Santos Futebol Clube e seleção brasileira. Todos os méritos aos jogadores Gabigol, Bruno Henrique, Gerson e outros. Todos os méritos…”.

Rodopios
No animado baile de aniversário do Clube Venâncio Ayres, na sede social, no último vinte e seis, penúltimo sábado, os casais: Maria do Rosário (Silveira Porto) – Jefferson Silveira e Eloisa Maria (Barsanti Silveira) – Edson Zaglobinski de Campos.

“Natal Luz”
Voltando de Gramado, Rio Grande do Sul o agente Aldo Depetris Bassoli, do “Beta Turismo”. Aldo levou itapetininganos para lá no último quatro, segunda-feira, última.

Canções paulistanas
Angelina (Pereira Cardoso) – Roberto Soares Hungria; Cláudia Regina Fernandes Dandreta, Maria Nívea Guarneri Machado, Olga Pellegrini, Elza – Roberto Lima de Lara; Vasti (de Sousa) – Josué Gerson de Almeida e dezenas de itapetininganos aplaudindo o recital do cantor e compositor Carlinhos Vergueiro no recital “O Cúmulo do Samba” na penúltima sexta-feira, vinte e cinco de outubro, no teatro do Sesi, em Vila Rio Branco. Parceiro de Adoniran Barbosa, Chico Buarque e Toquinho (entre outros), Carlinhos Vergueiro carrega consigo preciosidades da cultura e história da música popular paulistana. Também compôs com Paulo Vanzolin, o autor de “Volta por cima”. O título do show “O Cúmulo do Samba” é para contradizer Vinícius de Moraes, que em 1962 falou que São Paulo era o “túmulo do samba”. Carlinhos adorou a participação da plateia itapetiningana, que ele chamou de “Coral do Sesi”. Acompanharam o cantor os excelentes Ítalo Peron (violão) e Pratinha (bandolim e flauta). À propósito: no pós-espetáculo Carlinhos Vergueiro conversou com Roberto Hungria sobre o saudoso dentista são-miguelense e itapetiningano Francisco José de Souza Filho, dentista, cujo nome seria dado a sede da APCD (Associação Paulista dos Cirurgiões Dentistas de Itapetininga) no Jardim Marabá, aqui, no dia seguinte, domingo, vinte e sete. Carlinhos Vergueiro era amigo dele, assim como Chico Buarque de Holanda também era.

Birthdays
Mudaram e mudam de idade os seguintes cidadãos itapetininganos: no último domingo, três, Kátia Baroni, musicista e cantora; na segunda-feira, quatro, Vasti de Sousa Almeida, regente musical, pianista e produtora de saraus culturais; na próxima segunda-feira, onze, Soraya Giriboni, secretária municipal de promoção social daqui e na terça-feira, doze, Elton Giriboni, co-proprietário do café Santo André, na quinta-feira, catorze, Therezinha Matarazzo Carreira, supervisora estadual de ensino daqui, já aposentada e no sábado, dezesseis, Maria do Rosário Silveira Porto, do departamento de Administração Escolar da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, campus Butantã, São Paulo e membro atuante da Academia Itapetiningana de Letras.

Últimas

Cidade registra 66 furtos de veículos no ano

Cidade registra 66 furtos de veículos no ano

Os itapetininganos têm convivido com uma realidade preocupante, o aumento dos casos de furto de veículos e as ocorrências de roubo de veículos. Dados estatísticos da Secretaria de Segurança Pública...

Comércio começa atender com horário estendido

Comércio começa atender com horário estendido

Se preparando para a melhor data para o comércio do ano, as lojas de Itapetininga começaram a atender em horário especial a partir desta semana. De segunda-feira a sexta-feira, as...

Junta Militar de Itapetininga realiza o EXAR

Junta Militar de Itapetininga realiza o EXAR

O Exercício de Apresentação da Reserva (EXAR) é realizado anualmente no período de 09 a 16 de dezembro, e tem como principais finalidades: praticar o mecanismo de convocação, atualizar dados,...

Mutirão retira 147 toneladas de resíduos

Mutirão retira 147 toneladas de resíduos

A Prefeitura de Itapetininga realizou mais um “Mutirão contra a Dengue” que retirou 147 toneladas de resíduos nas vilas Arruda e Paulo Ayres, neste final de semana. Junto com as...

Cidade recebe Campanha Natal Literário

Cidade recebe Campanha Natal Literário

A Biblioteca Municipal “Dr. Júlio Prestes de Albuquerque” lançou mais uma campanha para que os usuários com livros em atraso possam resolver suas pendências.É a Campanha Natal Literário que acontece...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga