Agostinho e a Filosofia da Idade Média

De todos os pais da Igreja com que a Idade Média conta, Agostinho ou Santo Agostinho para alguns, é o que exerceu a mais profunda influência na época. Gosto de ler as suas “Confissões”, bem como a sua obra: “A Cidade de Deus”. Li, quando estava no Seminário Presbiteriano Conservador, a sua biografia escrita por Huberto Rohden. Li e reli. Rohden, a respeito de Agostinho, afirmou: “O cristianismo agostiniano é platônico, religião da luz, da beleza, da estética, do coração, do amor, assim como o cristianismo de Tomás de Aquino é, antes, a religião da inteligência, do raciocínio sóbrio de Aristóteles”.

Filho de Patrício, pagão, e de Mônica, cristã; viveu no período 354 – 430 d.C. Recebeu uma educação elevada de sua mãe, porém quando atingiu a mocidade, entregou-se a uma vida desregrada, fútil e sensual. Nessa época ensinou Retórica em Roma, Cartago e Milão. A sua mãe, no entanto, orava sempre por ele para que se convertesse a Cristo. Entrou para a vida religiosa, tornando-se coadjutor de Hippona e mais tarde bispo. Combateu o maniqueísmo. A sua filosofia é inspirada em Platão. Pregava a existência da certeza, mostrando as contradições da dúvida universal. Provava a existência de Deus pela contingência do mundo, pela necessidade e imortalidade da alma.

Logo após a sua conversão, deixando o maniqueísmo, Agostinho perguntou para Ambrósio qual dos livros sagrados era o melhor para ser estudado. Ambrósio, o teólogo, e grande orador, sem pestanejar, disse: Isaías. A resposta de Ambrósio foi sábia, porque o livro de Isaias apresenta de um modo nítido a visão da graça de Deus. Agostinho, na obra “Confissões”, livro X, indaga: “Quem é Deus? ” Depois, numa linguagem poética, discorre: “Perguntei-o `a terra e disse-me: Eu não sou. E tudo o que nela existe respondeu-me o mesmo. Interroguei ao mar, os abismos e os répteis animados e vivos e responderam-me: Não somos o teu Deus; busca-o acima de nós. Perguntei aos ventos que sopram; e o ar, com os seus habitantes, respondeu-me: Anaxímenes está enganado; eu não sou o teu Deus”. Por fim, ele perguntou para o céu, sol, lua e estrelas e todos disseram: Nós, também, não somos o teu Deus. Finalmente todos exclamaram com alarido: Foi ele quem nos criou”.

Os Reformados, seguindo passo a passo a filosofia de Agostinho, afirmam: Deus é espírito, infinito, eterno e, imutável em seu ser, sabedoria, poder, santidade, justiça, bondade e verdade. Asseveram, ainda, que há um só Deus, o Deus vivo e verdadeiro e que há três pessoas na Divindade: o Pai, o Filho e o Espírito Santo e estas três são um só Deus, da mesma substância, iguais em poder e glória.

Agostinho sobre Deus disse estas palavras que se tornaram proverbiais: -“Vós o incitais que se deleite nos vossos louvores, porque nos criastes para vós e o nosso coração vive inquieto, enquanto não repousar em vós ”. (Frase que está no livro I de sua obra: “Confissões”.

Últimas

O Espaço Cultural Travessa 81 recebe Cris Bloes e banda dia 8/6

O Espaço Cultural Travessa 81 recebe Cris Bloes e banda dia 8/6

Formado por Cris Bloes (piano), Celso Veagnoli  (saxofone),  Sérgio Frigerio (baixo) e Rodrigo Marinonio  (bateria), o quarteto Cris Bloes  e Banda reúne  músicos com  carreiras individuais consolidadas. Todos  são professores...

Correio Político 1003

Correio Político 1003

Pai da Criança Já começou o “vale tudo” na política de Itapetininga. Osmar Thibes, pré-candidato a prefeito pelo PSDB, começou mal a sua campanha. Declarou a um portal de notícias...

Justiça proíbe eventos com maus tratos aos animais

Justiça proíbe eventos com maus tratos aos animais

Uma Ação Civil Pública feita pela advogada Maria Leticia Benassi Filpi na 2ª Vara Cível do Foro de Itapetininga, foi julgada parcialmente procedente pelo Juiz Aparecido César Machado No ano...

Recusas ao bafômetro crescem em Itapetininga

Recusas ao bafômetro crescem em Itapetininga

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP) realizou quatro operações de Direção Segura Integrada no município de Itapetininga entre 2022 e 2024. Durante essas ações, foram abordados 2.367...

Professores criticam o Programa Escola Cívico-Militar

Professores criticam o Programa Escola Cívico-Militar

Em uma sessão marcada pelo confronto de estudantes com policiais militares, a Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) aprovou o projeto enviado pelo governador Tarcísio de Freitas sobre o Programa...

Prefeitura entrega 164 lotes do Programa Lote Social

Prefeitura entrega 164 lotes do Programa Lote Social

A data 17 de maio consolida, definitivamente, o maior programa de habitação popular já realizado pela Prefeitura de Itapetininga com a entrega oficial dos 164 terrenos do Programa Lote Social,...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga

Bem vindo de volta!

Faça login na sua conta abaixo


Criar nova conta!

Preencha os formulários abaixo para se cadastrar

Redefinir senha

Por favor, digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.