Depois e agora

Depois que Jesus nasceu naquela estrebaria de Belém, foi visitado por pastores que guardavam, durante as vigílias da noite, o seu rebanho. Disseram aqueles homens rudes o que os anjos afirmaram a respeito do menino. Maria e José admiraram-se de todas as coisas referidas por aqueles homens. Maria, no entanto, guardava todas estas palavras, meditando-as no coração.
Posteriormente, quase dois anos depois, os magos visitaram, em Belém, numa casa, Maria, José e o menino Jesus. Adoraram o recém-nascido e ofertaram-lhe ouro, incenso e mirra. Reconheceram os seus misteres de rei, sacerdote e profeta.
Depois, quando o menino Jesus já tinha quase doze anos, os pais perderam-no nas dependências do templo de Jerusalém. Encontraram-no, três dias depois, no meio dos doutores, ouvindo-os e interrogando-os. Os conhecedores da lei mosaica admiravam-se do seu conhecimento e de sua inteligência. Ele voltou com os seus pais para Nazaré, porém Maria guardava todas estas coisas no seu coração.
Depois, já na fase adulta, Jesus realizou muitos milagres e prodígios. Deu vista para cegos de nascença, ressuscitou mortos, multiplicou pães e peixes, acalmou o mar da Galileia, andou por cima das águas e demonstrou o seu poder de onisciência. Manifestou-se como o Redentor, o Deus encarnado, mas foram poucos os que o aceitaram.
Depois, por inveja, os homens prenderam-no e crucificaram-no, ladeado por dois ladrões. Um deles, reconhecendo a divindade de Cristo, cheio de remorso e arrependido, clamou a Jesus, nestes termos: “Senhor, lembra-te de mim, quando entrares no teu reino. ” Jesus, o Redentor e perdoador, pois só ele pode perdoar, ouviu a sua oração e disse: “Hoje tu estarás comigo no paraíso. ” Os dois encontraram-se em espírito no céu.
Depois de três dias, o Messias ressuscitou e apareceu para várias pessoas, no primeiro dia da semana. Paulo, o apóstolo, afirma que Jesus alimentou-se com os seus discípulos, embora já tivesse com um corpo glorioso e mais de quinhentas pessoas viram-no e tornaram-se testemunhas de sua ressurreição.
Posteriormente, quando estava com os seus discípulos, no monte das Oliveiras, subiu ao céu. Diz o médico Lucas que Jesus foi elevado às alturas, à vista deles, e uma nuvem o encobriu dos seus olhos.
Agora, no entanto, os cristãos aguardam a sua volta. Foi ele quem disse: “Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas. Se assim não fora, eu não teria dito; pois vou preparar-vos lugar. E quando eu for e vos preparar lugar, voltarei e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver, estejais vós também. ”
Diante do passado, procure trazer à memória o que dá esperança. Jesus partiu e já está voltando. Todos os problemas meteorológicos e físicos provam tal fato.

Últimas

HLOB atende em média 73 pacientes por dia com sintomas respiratórios

Cidade registra 616 casos de Covid em sete dias

Itapetininga registrou em uma semana 616 novos casos de Covid-19, números tão altos assim não eram registrados desde a segunda onda da pandemia na cidade. O número alto de registros...

População sofre com crise no transporte coletivo

População sofre com crise no transporte coletivo

Há meses o Jornal Correio acompanha a situação do transporte coletivo em Itapetininga que sofreu alterações devido a pandemia. Mas, a retomada das atividades dentro do Plano São Paulo não...

Como se organizar com as contas de início do ano

Como se organizar com as contas de início do ano

No início do ano, além da tradicional expectativa para um ano melhor, ele também vem acompanhado das contas. A maioria das famílias começa o ano com o pagamento de impostos,...

Confira as mudanças nas aposentadorias em 2022

Confira as mudanças nas aposentadorias em 2022

Quem está prestes a se aposentar precisa estar atento. A reforma da Previdência estabeleceu regras automáticas de transição, que mudam a concessão de benefícios a cada ano.A pontuação para a...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga