Deus não Perdoa

Cristina fez uma pergunta um tanto curiosa. Indagou ela: – Deus perdoa todos os pecados?
Ela ouvira um sermão, onde o Pastor Calvinista, com muita eloquência, concitando aos seus ouvintes, disse: “ Se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outro, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo o pecado.” Foi o apóstolo João,”aquele discípulo que entre todos soube melhor amar, e mereceu ser mais amado”, quem afirmou tal verdade bíblica. ( I João 1:7)
– Sim! não há pecado que não possa ser perdoado por Deus, porém o mesmo apóstolo, que é considerado “o secretário do peito de Cristo”, no final da mesma carta, dando alguns conselhos, disse: “ Se alguém vir pecar seu irmão pecado que não é para a morte, orará e Deus dará a vida àqueles que não pecarem para a morte. Há pecado para a morte, e por esse não digo que ore.” ( I João 5:16)
– Como assim? – indagou Cristina.
– A resposta é simples, disse eu. – Os escribas, diante dos milagres que Jesus realizava, com medo de perder os seus cargos eclesiásticos, divulgaram que Jesus estava possesso. Afirmavam, também, que ele expulsava os demônios pelo próprio demônio.
Diante disso, Jesus, ensinando aos seus discípulos e combatendo os escribas, através de parábolas, indagou: – “Como pode satanás, expelir satanás? Se um reino – continuou ele, estiver dividido contra si mesmo, tal reino não pode subsistir; se uma casa estiver dividida contra si mesma, tal casa não poderá subsistir. Se, pois, satanás se levantar contra si mesmo, não pode subsistir, mas perece.” Depois, Cristo, dirigindo-se a eles, com muita ênfase, afirmou: “Em verdade vos digo que tudo será perdoado aos filhos dos homens: os pecados e as blasfêmias que proferirem. Mas aquele que blasfemar contra o Espírito Santo não tem perdão para sempre, visto que é réu do pecado eterno.”( Marcos 3:20 a 29)
Marcos, no seu evangelho, afirma que Cristo assim se expressou, porque os escribas, diziam: “Esta possesso de um espírito imundo.” Marcos 3:30)
Cristina, que estava sentada, com o cotovelo sobre a mesa e a mão direita segurando o queixo, ainda indagou: – Qual é a blasfêmia contra o Espírito Santo?
Usando o mesmo texto de Marcos, calmamente, respondi: – Há muitas respostas que os teólogos dão, porém de acordo com o evangelista “é a atitude consciente e deliberada, como faziam os escribas negar que a fonte do poder pela qual Jesus curava e libertava não provinha do Espírito Santo, mas de satanás” Em outras palavras, disse eu, é afirmar que Cristo realizou milagres por estar possesso por satanás.
– Deus me livre de tal pecado! – disse Cristina, olhando para mim.

Últimas

Câmara cassa mandato do vereador Codorna

Câmara cassa mandato do vereador Codorna

Na última quinta-feira, dia 22, em Sessão Extraordinária realizada na Câmara Municipal de Itapetininga (CMI), 15 dos 19 vereadores votaram pela cassação do mandato do parlamentar de oposição Eduardo Codorna...

Prefeitura promove Campanha com exames de Hepatite B e C

Prefeitura promove Campanha com exames de Hepatite B e C

No mês em que é celebrado o “Dia Internacional do Combate às Hepatites Virais”, a Prefeitura de Itapetininga, por meio da Secretaria de Saúde e Departamento de Vigilância Epidemiológica promovem...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga