Dois assuntos

Confusão:
Totalmente confuso (a palavra é esta, de novo) e uma enorme falta de comunicação da SEPREV (órgão pagador dos salários do magistério paulista) sobre o recente aumento salarial que foi depositado (para alguns!) no último vinte e dois, pelo menos para os servidores da educação já aposentados e pensionistas. Nem as entidades que defendem o magistério paulista estão sabendo ao certo se, o que foi depositado (para alguns, repito) é o mísero aumento de dez porcento dado pelo agora ex-governador João Doria (PSDB) ou outra coisa. Por que a maioria dos diretores de escola aposentados da rede (estadual) não receberam nada? Parece que nem os da ativa. Ou mesmo, alguns professores (já aposentados) receberam cem reais em média e outros, trezentos reais, por aí. Ninguém entendeu ao certo!
Recorremos então ao jornal “A Tribuna” da cidade de Amparo, interior paulista, que citou a fala do terceiro vice-presidente do Centro do Professorado Paulista Azuaite Martins e França que se pronunciou sobre o anúncio do atual governador do Estado de São Paulo Rodrigo Garcia (PSDB) em relação ao Piso Nacional do Magistério Paulista (ou seja, o mínimo que um professor deve ganhar mensalmente daí o nome de “piso”). Portando, segundo a declaração do atual governador, houve a autorização do pagamento (do piso) retroativo a primeiro de janeiro e será pago em 14/04/2022 (depois alterado para 22/04), segundo o Decreto n° 66.623 de 07/04/2022.
Então, o que foi pago em 22/04 foi este piso ou o aumento (salarial) de dez porcento? Poucos sabem. Daí também a pergunta: “se foi o Piso Nacional que foi pago, por que em forma de abono complementar?” Este tal abono não é incorporado no salário base e não incide sobre as vantagens conquistadas durante a carreira. Abono, não é fixo. Passa como “uma nuvem”.
É sabido que São Paulo considerado o Estado mais rico do país paga o menor piso que a lei federal estabelece (este ano: 33%). O Centro do Professorado Paulista sede central, por meio do seu Departamento Jurídico vai ingressar com ação coletiva para defender os professores da ativa e aposentados, a fim de que o Governo de São Paulo (PSDB) seja obrigado a pagar o Piso Nacional, não como abono complementar mas com salário incidindo sobre todas as vantagens conquistadas sobre as carreiras e que são os quinquênios, sexta parte e outras devoluções.
Mas, fica a pergunta (de novo): o pagamento efetuado no último 22/04 foi o mísero aumento (só dez porcento) ou foi o do Piso Nacional, como abono, não incorporativo.
Nem todos os inativos pensionistas receberam. Somente saberemos no próximo “hollerith” de maio. Pobre comunicação!

Direitos humanos:
A notícia veio já pela manhã do último vinte e nove, ou seja, o Comitê da Organização das Nações Unidas (ONU) sediada em New York, USA (que trata dos direitos dos cidadãos em qualquer lugar do mundo) considerou que o julgamento que condenou Luiz Inácio Lula da Silva a prisão foi totalmente parcial. O principal protagonista de tal ação prisional foi Sergio Moro, ex-juiz e ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, referendados por juízes de uma vara de Porto Alegre, Rio Grande do Sul e pelo Supremo Tribunal Federal (em uma votação apertada), na época. Pois é, isto impediu que Luiz Inácio fosse candidato a Presidência da República em 2018. Deu no que deu…

Últimas

CORREIO POLÍTICO 997

CORREIO POLÍTICO 997

Exército Após o final do prazo para a filiação de possíveis candidatos, continua a corrida atrás de partidos políticos. Um número maior de partidos traz mais candidatos a vereador e...

Itapetininga tem quase 300 casos de dengue confirmados

Cidade registra 450 casos de Dengue em uma semana

Itapetininga registrou 450 novos casos de Dengue em uma semana. Ao todo, a cidade confirmou neste ano 1.531 casos positivos da doença. Um único caso de Chikungunya foi identificado em...

Queimadas aumentam em mais de 30% em 2024

Queimadas aumentam em mais de 30% em 2024

Em Itapetininga, nos primeiros quatro meses do ano, houve um aumento de 30% nos registros de queimadas em comparação com o mesmo período do ano passado. De acordo com os...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga

Bem vindo de volta!

Faça login na sua conta abaixo


Criar nova conta!

Preencha os formulários abaixo para se cadastrar

Redefinir senha

Por favor, digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.