Dois assuntos

“Pantanal” – o final
No último sete, como era previsto, terminou uma das novelas mais vistas dos últimos tempos na TV Globo. Desde a explosiva “Avenida Brasil” de João Emanuel Carneiro nos idos de 2012 com Adriana Esteves (que marcou muito como a personagem “Carminha”) e Murilo Benício (como “Tufão”), entre muitos outros.
Não havia uma trama que mexesse tanto o Brasil como a recém terminada “Pantanal”. A história não é nova. Foi apresentada primeiramente na TV Manchete (1989-1990) do Rio de Janeiro, de autoria de Benedito Ruy Barbosa, que começou devagarinho e antes de sua metade já estava concorrendo em audiência com a da TV Globo no mesmo horário e até onde a TV Manchete pegasse nos rincões deste país. Tudo isto para surpresa do comando geral da emissora do “plim-plim”.
Como é que podia uma história passada na mata brasileira e que abordava a criação de gado, com homens rústicos, machistas, com personagens femininas passivas (até certo ponto), onde algumas viravam onças e uma figura mística como o “Véio do rio” em sucuri, uma ficção numa novela realista? E ainda com a ousadia de enfrentar o “glamour” da novela da Globo, das oito horas da noite (ou nove) com artistas estelares. Pois é, “Pantanal” na TV Manchete carioca conseguiu.
Os roteiristas da Globo pararam, pensaram e muita coisa foi mudada nas novelas globais. Mesmo assim, depois de trinta e dois anos, com um elenco muito bem preparado (e que revelou muitos artistas novos), será que a reapresentação de “Pantanal” faria um relativo sucesso? Fez, mas bem mais, muito mais que o esperado. Como se dizia antigamente quando a televisão era a quase soberana da comunicação neste país (quando o celular e o computador não haviam ainda aparecido) – “Pantanal parou o Brasil”. E com a história, a música pantaneira também ressurgiu “Chalana”, “Amor de Índio”, “Cavalo Preto”, “Meu primeiro amor”, “Tocando em frente” (aquela bela composição de Almir Sater e Renato Teixeira que fala “das manhãs” e das “maças”… Bom! Muito bom para a autêntica música popular brasileira.
“Pantanal” também teve o mérito de não centralizar os personagens durante a história toda. Com exceção de “José Leôncio” (vivido magistralmente por Marcos Palmeira), cada personagem teve o seu grande momento na trama como “Joventino” e “Juma”, “José Lucas”, “Maria Bruaca”, “Tadeu”, “Zaqueu”, “Tenório”, entre outros. Eram histórias dentro da história. O telespectador assíduo vai, certamente, sentir saudades de “Pnatanal”. Como por exemplo das rodas de viola noturnas em volta das fogueiras. Vai sim!

Ação solidária
A diretora Dalva das Graças Mendes, da Regional do Centro do Professorado Paulista de Itapetininga (e região), realizou no dia 09/09/2022 em sua sede central, o Chá Beneficente tendo como finalidade a arrecadação de caixas de leite para duas entidades: “Nosso Lar” e “Geapa”. Foram arrecadados 190 litros de leite. Empresas como: Tintas Pig, Facilcar, Cofesa (as duas lojas), Miquira, Itapê Piscinas e Mercado Imóveis, colaboraram (em muito!) para a realização do nobre evento.

Últimas

Correio Político 1002

Correio Político 1002

Tabata Amaral Um importante projeto para criar um protótipo de uma cadeira de rodas movida apenas pelos movimentos da cabeça, está sendo desenvolvido no Campus de Itapetininga do Instituto Federal...

Rita de Cássia Moraes Leonel

Itapetininga perde Alceu Nanini

Esta semana faleceu o empresário Alceu Nanini. Católico fervoroso, teve uma vida exemplar dedicada a ajudar o próximo. Pessoa muito querida na cidade, Alceu foi vice-prefeito e vereador. Uma grande...

Rita de Cássia Moraes Leonel

O Pint of Science Itapetininga foi um sucesso

A avaliação de Cassiano Terra Rodrigues , organizador do evento , é que o Pint of Science Itapetininga 2024 foi um sucesso, com  participação intensa , diversificada e altamente gratificante....

Rita de Cássia Moraes Leonel

O impacto das chuvas do RS no agronegócio brasileiro

Por Maria Clara Ferrari - graduada em Engenharia Agronômica pela Escola Superior de Agronomia de Paraguaçu Paulista em 1980, Latu Sensu em Gestão Agroindustrial pela Universidade Federal de Lavras. Experiência...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga

Bem vindo de volta!

Faça login na sua conta abaixo


Criar nova conta!

Preencha os formulários abaixo para se cadastrar

Redefinir senha

Por favor, digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.