“Inspiração em tempos de crise”

Quem conhece o casal Roberto e Elza de Lara, sabe de sua atuação, na saúde, na educação, no posicionamento político progressista ou nos carnavais, onde todos esperavam, com grande expectativa, de que maneira iriam se fantasiar e encantar os foliões de nossa cidade com a delicadeza e simpatia de sempre. Charles Chaplin e Paulette Goddard, Pierrô e Colombina, Cleópatra e Marco Antônio, ou tantos outros personagens que interpretaram.
Há alguns anos atrás todos se surpreenderam com as pinturas a óleo do Dr Roberto Lara, reproduzindo casarões e prédios antigos de uma Itapetininga que já não existe mais, resgatando, com talento, nossa memória.
Mas agora, durante a pandemia, tempo de desespero e tristeza em todo o mundo, a professora Elza de Lara resolveu, para “manter mais leve esse período de crise moral, social e stress“, como diz ela, escrever crônicas que relatam fatos pitorescos do cotidiano que ficaram guardados em sua memória por muitos anos. Daí surgiu a ideia, com o incentivo da irmã Cecília (cátedra em literatura e língua), de publicá-las. A princípio, em uma tiragem reduzida, “para presentear familiares e amigos mais próximos, com a finalidade de alegrá-los um pouco”, conclui Dona Elza.
E surgiu o livro “Inspiração em Tempos de Crise”, um delicioso livro de crônicas, que realmente alcançou seu objetivo, nos faz rir, relaxar e identificar histórias do, também nosso, cotidiano.
Histórias de sua vida, com personagens reais, que fizeram e fazem parte de toda a trajetória dela e de seu querido esposo Roberto.
É necessário sorrir, completa Dona Elza que cita Henry Bérgson: É preciso que eu não me comova de tal modo que a situação, mesmo muito séria, não seja levada tão a sério”.
O livro tem 86 páginas e o leitor consegue enxergar, através das crônicas, as imagens do que está sendo contado. Sua infância, suas bonecas, seus amigos e parentes, sua cidade sua memória estão lá.
O problema é que a edição é muito pequena, mas pode ser ampliada. Seu marido, Dr Roberto Lara, escreve na contra capa: “…Desejo que ela continue com essa nova faceta de sua trajetória.

Últimas

HLOB atende em média 73 pacientes por dia com sintomas respiratórios

Cidade registra 616 casos de Covid em sete dias

Itapetininga registrou em uma semana 616 novos casos de Covid-19, números tão altos assim não eram registrados desde a segunda onda da pandemia na cidade. O número alto de registros...

População sofre com crise no transporte coletivo

População sofre com crise no transporte coletivo

Há meses o Jornal Correio acompanha a situação do transporte coletivo em Itapetininga que sofreu alterações devido a pandemia. Mas, a retomada das atividades dentro do Plano São Paulo não...

Como se organizar com as contas de início do ano

Como se organizar com as contas de início do ano

No início do ano, além da tradicional expectativa para um ano melhor, ele também vem acompanhado das contas. A maioria das famílias começa o ano com o pagamento de impostos,...

Confira as mudanças nas aposentadorias em 2022

Confira as mudanças nas aposentadorias em 2022

Quem está prestes a se aposentar precisa estar atento. A reforma da Previdência estabeleceu regras automáticas de transição, que mudam a concessão de benefícios a cada ano.A pontuação para a...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga