Isabel e a visita de Maria, a virgem

Maria, a mãe de Jesus, quando recebeu a visita do anjo Gabriel, ficou sabendo que a sua prima Isabel estava gerando um filho em sua velhice. Disse o anjo para a virgem: “É este o sexto mês para aquela que era chamada estéril, porque para Deus nada é impossível. ”
Maria resolveu visitá-la e foi, apressadamente, às montanhas, a uma cidade de Judá, à casa de sua prima. Maria morava no Norte do país e ia para o Sul. A virgem, quando viu Isabel, já no sexto mês de gravidez, saudou-a. Diz Lucas, o clínico, que Isabel, ouvindo a saudação de Maria, a criancinha, que estava sendo gerada no seu ventre, saltou e Isabel foi cheia do Espírito Santo e exclamou com grande voz: “Bendita és tu entre as mulheres e bendito o fruto do teu ventre. E donde me provém isto a mim, que venha me visitar a mãe do meu Senhor? Pois eis que ao chegar aos meus ouvidos a voz da tua saudação, a criancinha saltou de alegria no meu ventre”.
Isabel seria mãe de João, o batista, aquele que veria no espírito de Elias para preparar o caminho para Jesus. João Batista não seria o Elias, mas estava sendo gerado com as características e poder do profeta que vivera no tempo do rei Acabe. Não era a reencarnação de Elias, como alguns pensam, uma vez que a doutrina Kardecista define “a reencarnação como a volta da alma ou espírito à vida corpórea, mas em outro corpo, novamente constituído, em que nada tem a ver com o antigo”. Acontece que Elias não morreu, porém foi transladado para o céu. Não se desencarnou. João Batista exerceria o cargo profético semelhante ao de Elias, não o próprio Elias. Certa feita, João Batista foi interrogado se ele era o Elias, ele respondeu, enfaticamente, que não era. (João 1:21)
João Batista foi muito mais que um profeta. Ele foi o arauto do Rei, que é Jesus, foi o pregoeiro do novo reino que Cristo veio inaugurar. Todos os teólogos afirmam que os antigos profetas mais honrados foram aqueles que anunciaram o nascimento de Jesus, como Isaías e Miquéias. Batista, no entanto, foi além de todos eles, uma vez que além de ser o precursor imediato do Messias, foi previamente anunciado pelo profeta Malaquias, nestes termos: “Eis que envio o meu mensageiro que preparará o caminho diante de mim…” João Batista é o mensageiro, primo de Jesus, filho de Isabel, casada com o sacerdote Zacarias. (Você, caro leitor, notou que todos os sacerdotes eram casados? Casamento é uma instituição divina.)
Deus controla tudo e está no controle da nossa redenção.
Grave esta quadrilha que escrevi para decorar:
Deus amou o mundo, que foi eleito, que foi remido por Jesus, que morreu na cruz, que se tornou gloriosa para os cristãos. Louvado seja o Pai. Louvado seja o Espírito Santo. Louvado seja para sempre o Filho encarnado de Deus.

Últimas

CORREIO POLÍTICO 997

CORREIO POLÍTICO 997

Exército Após o final do prazo para a filiação de possíveis candidatos, continua a corrida atrás de partidos políticos. Um número maior de partidos traz mais candidatos a vereador e...

Itapetininga tem quase 300 casos de dengue confirmados

Cidade registra 450 casos de Dengue em uma semana

Itapetininga registrou 450 novos casos de Dengue em uma semana. Ao todo, a cidade confirmou neste ano 1.531 casos positivos da doença. Um único caso de Chikungunya foi identificado em...

Queimadas aumentam em mais de 30% em 2024

Queimadas aumentam em mais de 30% em 2024

Em Itapetininga, nos primeiros quatro meses do ano, houve um aumento de 30% nos registros de queimadas em comparação com o mesmo período do ano passado. De acordo com os...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga

Bem vindo de volta!

Faça login na sua conta abaixo


Criar nova conta!

Preencha os formulários abaixo para se cadastrar

Redefinir senha

Por favor, digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail para redefinir sua senha.