Os carnavais não terão mais Ivone

Na graciosa e ingênua Angatuba, fantasiava-se das mais variadas personagens: “fada, rainha, bruxa, cinderela, guerreira, marinheira, mulher maravilha ou aranha”. O sucesso sempre foi absoluto, não só nas ruas desfilando, como igualmente nos festejos escolares. Ainda em plena 2ª Guerra Mundial (1928 – 1945), seus pais mudam-se para Itapetininga. Ele músico, Edil Lisboa, nome forte e de família de músicos – maestro responsável pelas orquestra Pan-Americana e Venâncio Aires, tinha também a nobre e artística profissão de alfaiate servindo a alta classe da cidade.

Ivone estuda e se forma professora e embora lecionando não deixou de amar o carnaval e o fascinante mundo da fantasia. Forma o famoso bloco Babo Grosso integrado por pessoas de fino trato, animando os bailes venancianos e se apresentando em municípios vizinhos. Venceu dezenas de concursos, cujos prêmios ela guardava com carinho em sua residência. Foram conquistados graças a animação, beleza, compostura, originalidade e outros itens, apresentados pelo Bloco.

Mas o carnaval não se resumia apenas ao Clube. A gloriosa e suprema felicidade encontrava-se no desfile de ruas da cidade. Blocos, cordões e foliões anônimos, representando entidades e vilas, colocavam-se da Virgilio até o Largo dos Amores – a Praça do Povo – seus componentes com fantasias muito criativas e carros alegóricos que surpreendiam no visual, tal seu encanto. Todos os anos, infalivelmente, surgia, como verdadeira rainha em sua vestimenta rica e luxuosa, brilhante e atrativa. Ivone Lisboa em pé, soberana daquelas noites “onde o sonho de beleza suplantava a realidade!”
Foram inesquecíveis carnavais que Ivone viveu e resplandeceu, extasiando todo povo. Ela que nasceu em pleno carnaval, ofereceu alegria a Itapetininga.

E neste momento em que vivemos a pandemia, mudamos nosso comportamento e anunciou que não mais haverá carnaval, Ivone vestiu sua última fantasia e se foi. Deixou parentes e muitos amigos. Faleceu aos 88 anos neste 01 de setembro.

Últimas

Câmara cassa mandato do vereador Codorna

Câmara cassa mandato do vereador Codorna

Na última quinta-feira, dia 22, em Sessão Extraordinária realizada na Câmara Municipal de Itapetininga (CMI), 15 dos 19 vereadores votaram pela cassação do mandato do parlamentar de oposição Eduardo Codorna...

Prefeitura promove Campanha com exames de Hepatite B e C

Prefeitura promove Campanha com exames de Hepatite B e C

No mês em que é celebrado o “Dia Internacional do Combate às Hepatites Virais”, a Prefeitura de Itapetininga, por meio da Secretaria de Saúde e Departamento de Vigilância Epidemiológica promovem...

Filmes para quem gosta de comer… e cozinhar

Filmes para quem gosta de comer… e cozinhar

BAO (2018). O curta-metragem dirigido por Domee Shi fala de amor, e usa comida para representar uma mãe cuidando e acompanhando o crescimento do filho. Tem um viés bastante simbólico,...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga