Lepo-lepo

Como sempre faço todo santo dia, acordo antes do Sol e acesso o facebook pra saber das últimas fofocas virtuais e, nesta quinta-feira, ao fazê-lo, quase caí da cadeira! Por quê? Num vídeo, o prefeito da Voçoroca do Sul dançava lepo-lepo! Verdade! Juro que é verdade!

Isso mesmo, estimado leitor, o chefe do Executivo dessa deslumbrante freguesia fundada pela Mula-madrinha, saracoteava alegremente ao som de conhecida musiqueta! E ria! Mas como ria o magnífico dançarino! Tenho certeza de que assim como eu, todo mundo que assistiu o fenômeno deve estar pasmo!

Que prefeito feliz! Falam as más línguas… E tem que estar feliz mesmo, uai! Afinal ele foi eleito porque conquistou corações e mentes com seu jeito de fidalgo e suas promessas de campanha! E eles, os eleitores, o colocaram lá, no Paço Municipal, com assessores, secretários e um soldo… Tudo conforme reza a legislação tupiniquim.

Mas por que será que o mandachuva desse lendário pouso de tropeiros escolheu lepo- lepo para fundo musical de seu talentoso bailado? A notícia já corre de boca em boca e há quem diga que saiu até pé de ouvido numa birosca da querência por causa da coreografia oficial.

Já pensaram, se a moda pega? O prefeito de Tatuí, para não ficar de fora, poderá chamar a imprensa e fazer a “dança da chuva”… O de Sorocaba vai caprichar na “dança do sabre” e com jornais e televisão a postos! O mandatário da Estância Turística de Salto, com a simpatia de sempre, poderá deslumbrar seus eleitores, com passos leves ao som de “La Cumparsita”! São Paulo poderá nos encantar com um bailarino mestre no xaxado… E o de Tóquio? Claro, a capital do país do Sol Nascente encantará o mundo com seu alcaide dançando ao som de Taiko e rodeado de samurais!

Pelo andar da carroça, a arte da dança passará a ser quesito obrigatório para alguém candidatar-se ao cargo de chefe do Executivo. A partir de agora, além de folha corrida, Certidão de Batismo e declaração de renda, todos os candidatos terão que apresentar diploma de escola de balé… Mas, pensando bem, o mundo ficará mais belo: quem não gostaria de contemplar uma prefeita toda linda efetuando a “dança do ventre” ou a “dança dos sete véus”?

Por ora, o jeito é conformar-se com um singelo lepo-lepo, né! Fazer o quê?

Quem disse que prefeito não dança?

Últimas

Operação detém suspeito com droga na Vila Mazzei

Operação detém suspeito com droga na Vila Mazzei

Nesta quarta-feira, dia 16, durante patrulhamento da Operação Itapê + Segura, equipes da Guarda Civil Municipal de Itapetininga prenderam um suspeito nas proximidades de uma escola municipal na Vila Mazzei....

Mangá: ícone pop da cultura japonesa

Mangá: ícone pop da cultura japonesa

Por: Milton Cardoso Havia um enorme abismo cultural entre os imigrantes europeus e japoneses, mas a educação dos filhos era um ponto comum entre eles. Uma das prioridades era a...

Céu das Artes abre inscrições para cursos e oficinas

Céu das Artes abre inscrições para cursos e oficinas

O Centro de Artes e Esportes Unificados em Itapetininga, mais conhecido como Céu das Artes, abriu desde segunda-feira, dia 14, inscrições para diversos cursos e oficinas, todos de graça, voltados...

A chegada dos imigrantes japoneses em Itapetininga

A chegada dos imigrantes japoneses em Itapetininga

Milton Cardoso Especial para o Correio Há exatos 113 anos no porto de Santos desembarcaram do navio Kasato Maru 781 imigrantes japoneses, todos agricultores. Na bagagem traziam muitos sonhos: o...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga