O sumiço da praça

Falaram tanto sobre a desgraceira, que eu fui até lá pra ver de perto… E, infelizmente, é verdade: as árvores do Largo dos Amores desapareceram, mas desapareceram mesmo, não sobrou nenhuma semente! Não restou sequer uma folhinha pra ser guardada de lembrança!
Extinção absoluta…
Mas ninguém ouviu falar de nenhuma discussão na Câmara Municipal sobre o extermínio das nobres plantas na cidade fundada pela Mula-madrinha… Ninguém se lembra de algum debate de idéias sobre eliminação do verde que iluminava o centro da cidade… Quem autorizou a morte dos altivos vegetais que, durante tantos e tantos anos deram sombra, majestade e poesia ao Largo dos Amores?
O COMDEMA (Conselho Municipal de defesa do Meio Ambiente) foi consultado e deu a ordem? A Câmara está ciente e assinou a autorização? O prefeito decidiu? O cidadão foi informado? Quem deu a última palavra sobre o abate? Eu não me recordo de ouvir alguém falando algo sobre o assassinato de árvores ou um arvoricídio oficial… E agora? A histórica praça será apenas mais uma lembrança? Será que a Voçoroca do Sul perdeu sua autonomia administrativa e o Poder Judiciário tornou-se apenas um conto de fadas?Aliás, de terror?
Os moradores desta cidade precisam ficar alertas… Enquanto todo mundo dorme, alguma coisa estranha, talvez alheia aos costumes dos homens, manda derrubar o Castelinho da Matriz… Agora, para espanto da população inteira, manda derrubar, sem piedade, todo o Reino Vegetal da mais antiga praça da querência!
Do jeito que a coisa vai, qualquer dia desses, a cidade acordará de manhã e verá todas as sibipirunas da Peixoto Gomide abatidas a golpes de machados e estateladas no chão! A continuar essa tragédia, numa apocalíptica manhã, a freguesia estarrecida verá as Três Escolas sendo demolidas a golpes de martelos e tratores… E a Igreja do Rosário será a próxima a ser sacrificada… Não sobrará nem o lacrimejante bimbalhar do sino!
Alguma coisa estranha, mas, muito estranha mesmo deseja tanto mudar nossa cidade, que o próximo passo será mudar o Sol de lugar… Talvez, nem permita mais que o astro-rei cruze o céu de Itapê!
O sumiço das árvore do Largo dos Amores é apenas o começo!

Últimas

OAB contesta baixa vazão de água em barragem

OAB contesta baixa vazão de água em barragem

Um ofício da OAB de Itapetininga enviado para autoridades indica provável operação irregular das Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) alimentadas pelas represas no curso do rio Turvo em Pilar do Sul....

Cidade registra 300 casos de Covid na semana

Casos de Covid desaceleram, mas UTI segue 70% ocupada

Itapetininga está há duas semanas sem registrar mortes em decorrência da Covid-19. O registro de novos casos também desacelerou, em uma semana foram confirmados 69 novos casos, uma média aproximada...

Escola Peixoto Gomide comemora 127 anos

Projeto “Falar é Bom” realiza palestras para jovens

O Projeto “Falar é Bom”, ação da Prefeitura de Itapetininga coordenada pela Secretaria Municipal de Promoção Social, retoma suas atividades presenciais, seguindo todas as medidas sanitárias, com foco no “Setembro...

Logística é aliada essencial do e-commerce

Logística é aliada essencial do e-commerce

O e-commerce é um setor que vem crescendo no Brasil e no mundo, principalmente em razão da pandemia de Covid-19, que impossibilitou a compra de produtos de forma presencial. Para...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga