Um homem chamado Belarmino

Incontestável na existência é que todo ser humano, em qualquer parte do universo, leva um nome que o distingue dos outros.
Há nomes suaves, belos, estranhos, esdrúxulos, imponentes, além de outros e não um simples “zé”. Isto em todas atividades que desempenham com eficiência ou sem capacidade.
Nomes existem desde o belo e diferente Ariovaldo ou menos expressivos, que são os mais utilizados e populares, alguns levando os nomes de jogadores de futebol, presidentes, astros do cinema, teatro, músicos e atletas de todas as modalidades de esportes.
Apelidos pululam, existem à mancheia e poucos são os que se irritam ou brigam quando chamados por esses epítetos , alcunhas , as vezes indecorosas e ofensivos traduzem até preconceitos embutidos.
Em Itapetininga muitas pessoas carregavam antonomásias, como por exemplo, Dito Assobiador, Tonico Pé Frio, Jaguara, Turco Louco, Salvador Babão, Chico Diabo, Nego Guedes , Pé de Chumbo, Zé Queijeiro, Milton Serelepe, entre muitos outros.
Um dos mais falados e conhecidos na região, tinha por nome Berlamino Secreta.
Berlamino Machado, seu nome. Secreta por ser investigador policial civil. Correto e admirado por sua atenção como homem da lei . Justo e honesto.. Um homem alto , um pouco rechonchudo e com pele clara , sempre meio vermelha, talvez hipertenso pelos problemas com que trabalhava.
O que chamava a atenção de toda cidade era sua postura educada e delicada ao advertir ou deter alguém “fora da lei”. Em qualquer local onde chegava, os presentes olhavam-no com todo respeito e cautela.
Durante a noite ou mesmo a luz do dia em sua Viatura, um Ford preto, anos 40 , Belarmino, percorria os vários cantos de Itapetininga ,sempre recebido com atenção . E os jovens compunham-se para não serem assediados ou levados à delegacia de polícia para averiguações. Quando sua viatura se aproximava eles gritavam : – “Lá vem o Belarmino Secreta” , como lembra Roberto Soares Hungria

OBS : Na história dos nomes , encontramos apenas um que se chamava Belarmino, ou melhor Roberto Belarmino , um teólogo jesuíta, nascido em 1542 e canonizado 1931

Últimas

Câmara cassa mandato do vereador Codorna

Câmara cassa mandato do vereador Codorna

Na última quinta-feira, dia 22, em Sessão Extraordinária realizada na Câmara Municipal de Itapetininga (CMI), 15 dos 19 vereadores votaram pela cassação do mandato do parlamentar de oposição Eduardo Codorna...

Prefeitura promove Campanha com exames de Hepatite B e C

Prefeitura promove Campanha com exames de Hepatite B e C

No mês em que é celebrado o “Dia Internacional do Combate às Hepatites Virais”, a Prefeitura de Itapetininga, por meio da Secretaria de Saúde e Departamento de Vigilância Epidemiológica promovem...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga