Agenda – 460

Integrantes
Participantes do itapetiningano grupo “Vamos ao Teatro” (coordenado por Leomira Camargo Nunes) no Teatro Renault (antigo Teatro Abril) no bairro da Bela Vista em São Paulo, prontas para assistir um espetáculo musical (esquerda para direita): a advogada Ana Lúcia Benedetti, Rafaella Benedetti, Juliana Silva e Fabíola Barros.

 

Opinião de
Depois de merecer uma “big” reportagem numa das mais conceituadas revistas de Filosofia deste país (nove páginas inteiras) a “Filosofia – Ciência e Vida”, número oitenta e oito, editora Scala, São Paulo, novembro de 2013, o itapetiningano Cassiano Terra Rodrigues esteve nesta cidade visitando a mãe, Maria do Carmo Terra Rodrigues, professora aposentada de Língua Portuguesa e outros familiares. Professor – doutor de Filosofia na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, a PUC, no bairro de Perdizes, em São Paulo, conversando aqui com amigos, Cassiano teceu vários comentários sobre diverssos assuntos políticos e econômicos ocorridos no Brasil, recentemente como as passeatas populares ocorridas nos últimos junho e julho. Segundo Cassiano, depois do movimento da “Anistia Política” e “Diretas – Já”, o povo brasileiro está se politizando novamente. Para ele, as manifestações públicas foram movimentos seríssimos que ainda não foram totalmente compreendidas pela chamada “mídia”. Para Cassiano Terra também está faltando ao país, o Congresso Nacional aprovar o “Imposto Sobre as Grandes Fortunas”. Segundo Cassiano: – “Eu desconto vinte e sete por cento do meu salário de professor universitário (que não é nada de maravilhoso) e um milionário também desconta os mesmos vinte e sete por cento, no imposto de renda. Há algo de muito errado nisso. Há sim”.

Gratidão
Na noite em que recebeu a Medalha Mérito “Júlio Prestes de Albuquerque” na penúltima sexta-feira, treze, no lotado auditório da Câmara Municipal desta cidade, o ex-prefeito e ex-vereador Antonio Fernando Silva Rosa mencionou várias vezes o constante apoio que recebeu de sua saudosa esposa Cecília Galhego Rosa e da atual, Aparecida. Várias vezes o ex-alcaide e ex-edil citou-as, sempre emocionado.

Saúde
Toda manhã, de segunda a segunda, bem cedo, o diretor de escola da rede estadual de ensino, já aposentado, Darcy Pereira Pinto executa duzentas vezes o “punch-bag” (ou socos numa bolsa redonda como todo boxeador faz). Depois exercita o corpo pulando corda, duzentas vezes também. Daí sai de casa para correr seis quilómetros ou um pouco mais. E não contente com tudo isso Darcy vai a pé fazer compras no “Express”, supermercado próximo ao Largo do Rosário. E Darcy Pereira não mora perto do local das compras. Na ida e na volta anda uns quatro quilómetros. O atleta Darcy acha que pela sua idade, oitenta e um anos, não está nada mal. Nada.

Noite Feliz
Foi bonita, bonita a apresentação da Cantata de Natal com o Coral Rosa de Saron sob a regência de Joyce Lia Sant’Ana Gomes, e que ocorreu neste último domingo, vinte e dois, à noite, na Igreja Presbiteriana à rua Monsenhor Soares. A maestrina Joyce Gomes e o Coral “Rosa de Saron” mantiveram a tradição, pois há noventa anos, um coral presbiteriano abrilhanta o espírito de Natal naquele templo.

A volta
Depois de dezessete anos trabalhando no Japão, o radialista itapetiningano Valter Nakan voltou para cá e agora para ficar. Como vocês sabem, Valter, locutor e apresentador da antiga Rádio Difusora, daqui e um dos primeiros a se apresentar na (saudosa) SP SUL TV, do Grupo Difusora (José Abrão), na inauguração da mesma em setembro de 1990 e em seguida com o “Jornal da SP SUL”. Todas as tardes, juntamente com Carlos José de Oliveira, o “Carlinhos” e Francisco Alves Vei, o “Chico”. Homem de “mídia”, Valter Nakan que voltou em agosto ainda não se integrou totalmente à cidade (afinal foram dezessete anos longe) e emociona-se muito quando encontra companheiros do seu tempo de rádio e televisão, daqui.

Luzes da cidade
Foi João Tadeu Malavazzi (da conhecida empresa) quem confeccionou as vistosas árvores de Natal (quatro ao todo) da Prefeitura Municipal, ou seja: no início da Quintino Bocaiuva, no cruzamento com Vila Rio Branco; em Ouroville (a maior delas); na Domingos José Vieira e próximo do Fórum Velho. Todas, muito elogiadas. E João Malavazzi tem novos planos para o Natal do ano que vem para a decoração da cidade.

Empire State
O casal Cecília (Thibes) – Tamura Junior, ele conhecido contabilista da rua Venâncio Ayres, estiveram recentemente em New York, Estados Unidos, passando dez dias lá. Muitos e muitos passeios e logicamente compras. Deram também uma esticada em Washington, capital da USA (Tamura gostou muito da cidade). Segundo Tamura Junior com todos estes dias lá, não deu para ver tudo em New York, tanto o que há para observar. Na Broadway assistiram “Mama Mia”, o famoso musical.

Celebração
Co-anfitrionada pelos filhos: Angela, Marcelo (médico ortopedista residente em São Paulo), Odilon (agente publicitário deste “Correio”) e Luciana (nutricionista e em sua residência na região dos Bancários é que foi realizada a festa), a jovial matriarca Maria Nazareth comemorou seu aniversário na última sexta-feira, vinte (embora tenha nascido na véspera de Natal) ao lado da família e amigos, muitos amigos num clima de muita (mas muita) alegria e espírito natalino. Para animar o encontro foram convocados o cantor João Alcindo, Toninho Albino e seu violão e Gil no teclado. Foram servidos diversas espécies de crepes. Entre tantas pessoas presentes: o casal Adelaide – Francisco Adolpho Rosa, eles, cunhada e irmão da aniversariante; Leda Pinerolli Almada, Maria Alice Bernardes, Eunice Ferreira Granato, Angelina Pereira Cardoso Hungria, Maria Nívea Guarneri Machado, Mirian Rabelo Orsi, Cláudia Martinez Fernandes D’Andreta, Olga Pellegrini, Lourdes Zaidan, Cláudia Tardelli Moraes, Abigail Vieira de Souza Moraes. E a aniversáriante Nazareth Rezende estava feliz, feliz …

Últimas

Cidade tem 25 mortes em sete dias e UTIs estão 100% lotadas

Cidade registra 24 mortes em apenas dez dias

Os primeiros dez dias do mês de junho registram uma marca preocupante, a cidade confirmou 24 mortes em decorrência da Covid-19 e 579 novos casos. Nesta quinta-feira, dia 10, o...

Modelo denuncia racismo em oferta de trabalho

Modelo denuncia racismo em oferta de trabalho

A modelo e estudante de fisioterapia Bruna Campos denunciou uma situação de racismo que sofreu durante uma oferta de trabalho. Ela combinava, pelo whatsapp, detalhes de um trabalho freelancer que...

mais lidas

Assine o Jornal e tenha acesso ilimitado

a todo conteúdo e edições do jornal mais querido de Itapetininga